VASCO COELHO SANTOS

Chef Vasco Coelho Santos

Quando faltava apenas um ano para se licenciar em Gestão, percebeu que a paixão pela culinária era mais forte do que o gosto pelos números. Tornou-se inegável que a cozinha era realmente o que o fascinava e dava prazer. Parou tudo e correu atrás do sonho.

Em 2008, mudou-se do Porto para Lisboa, onde trabalhou no Atelier de Cozinha Michel, no Restaurante Olivier Avenida e ainda no Tavares Rico, com José Avillez.

No início de 2010, parte para Espanha a fim de integrar a equipa de alguns dos melhores restaurantes do mundo: Mugaritz, Arzak e El Bulli. Aprender ao lado de chefes como Andoni Aduriz, Arzak e Ferran Adria foi uma experiência enriquecedora que marcou a sua vida profissional.

Em 2013 regressa ao Porto e colabora com Pedro Lemos antes de partir para uma viagem de alguns meses para conhecer e explorar novos paladares e mundos gastronómicos. Percorre vários espaços em países da Europa e da Ásia, onde destaca a passagem pelo Viajante (Londres) e o 2am: Dessert Bar (Singapura).

De regresso à cidade Invicta, inicia o projeto Euskalduna, e também o restaurante BaixóPito, um espaço com um conceito culinário inovador, pensado na íntegra por Vasco, que se apresenta como a primeira Chicken House do Porto, onde se reinventa o frango.

No final de 2016, abre, no Porto, o Euskalduna Studio, o seu primeiro espaço de cozinha de autor, para continuar a experimentação culinária, a exploração da sua identidade gastronómica e a procura constante do ecletismo de sabores. Depois de um ano de várias distinções e prémios, o Chef inicia mais um projeto na cidade do Porto: o Semea by Euskalduna. Pensado como um espaço de partilha, o restaurante privilegia os sabores e ingredientes portugueses, através da criação de memórias com familiares e amigos.